Imagem 3D do mês de julho: minientrevista com o autor.

tanaka_3DA página de julho do calendário do Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies convida o usuário a colocar os óculos 3D para melhor visualizar a imagem do mês. A imagem mostra, com um aumento aproximado de mil vezes, uma superfície de aço galvanizado, ou seja, revestido por uma fina camada de zinco, que apresenta um ponto de corrosão. A amostra de aço zincado foi retirada de uma bomba de combustível de carro, e a corrosão ocorreu após expor a bomba a etanol durante 300 horas.

A imagem foi obtida em um microscópio eletrônico de varredura (MEV) do Laboratório de Fenômenos de Superfície (LFS) da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (EPUSP), participante do Instituto Nacional de Engenharia de Superfícies. Para obter o efeito tridimensional, o autor compôs uma imagem do tipo anáglifo a partir de duas imagens bidimensionais, usando o programa StereoPhoto Maker v. 4.36 da Masuji Suto @ David Sykes 2002-2010.

O autor da imagem é o professor titular da EPUSP Deniol Katsuki Tanaka, 67 anos. Doutorado em Engenharia Metalúrgica pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (EPUSP), Tanaka fez mestrado em Ciências pelo Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) e graduação em Engenharia Mecânica pela Faculdade de Engenharia de Guaratinguetá da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (FEG-UNESP). Realizou pós-doutorado nos Estados Unidos, na Johns Hopkins University. Tanaka já foi docente da FEG-UNESP, da Faculdade de Engenharia Química de Lorena (FAENQUIL) da USP e do Instituto Mauá de Tecnologia. Foi também pesquisador do Instituto de Pesquisa Tecnológicas do Estado de São Paulo (IPT) e pesquisador visitante nos Estados Unidos, no National Institute for Standards and Technology (NIST) e no National Sinchrotron Light Source do Brookhaven National Laboratory. Tem ampla experiência no estudo da corrosão e do desgaste.

Entrevista com o autor.

1. Comente o contexto em que foi realizada a imagem. 

Esta fotografia foi feita 2005 com um dos corpos de prova da Dissertação (Desgaste e corrosão de bombas de combustível com misturas de álcool e gasohol) de Mestrado do aluno Eng Mecânico,. M Eng, Fernando Fusco Rovai (orientado do Prof. Amilton Sinatora) no Departamento de Engenhara Mecânica da Poli. Como na dissertação não tinha espaço para apresentar a foto, ficou esquecida na minha gaveta. Tomando conhecimento do concurso de fotografia do INES, lembrei da foto e resolvi inscrever, e tive a sorte de ser um dos selecionados.

2. De que maneira a técnica de 3D é uma ferramenta importante para o pesquisador, particularmente no caso desta imagem?

Registrar fotograficamente superfícies que apresentam texturas não é fácil. Nem sempre os contrastes produzidos por efeito de luz e sombra conseguem descrever com precisão e, em alguns casos, só é possível com a utilização da técnica 3D.

3. Fale-nos um pouco sobre as imagens 3D e a Engenharia de Superfícies. Em que medida a técnica é utilizada no mundo?

Como disse, registrar fotograficamente superfícies que apresentam textura ou irregularidades superficiais, como em desgaste e corrosão, não é trivial. Requer conhecimento de técnicas fotográficas, particularmente de iluminação, sensibilidade, profundidade de foco, contraste, entre outros, e mais do que isso, a fotografia pode criar ilusão de óptica, transformando relevo em cavidade e vice-versa. A fotografia 3D elimina esta ilusão e inequivocamente consegue registrar a superfície.

Infelizmente é uma técnica utilizada por poucos, talvez pelo desconhecimento.

É uma técnica apaixonante, depois de dominar a técnica, que não é difícil, fazer fotografia 2D fica sem graça, sem sal. Eu faço fotos de aniversários dos meus netos em 3D e todos ficam deslumbrados..

4. Gostaria de agradecer alguém que tenha ajudado na realização da imagem vencedora?

Sim, ao Fernando Rovai e ao Prof. Amilton Sinatora por não terem utilizado a foto na Dissertação e nem nos trabalhos publicados decorrentes do Mestrado, deixando para mim esta oportunidade de divulgar a foto e ter ganho o prêmio.

5. Fique à vontade para outros comentários, curiosidades etc.

É uma técnica apaixonante e muitos dos meus alunos que fizeram o curso de documentação fotográfica compraram câmera fotográfica 3D.

Estou a disposição para qualquer informação. Aliás a fotografia 3D faz parte do programa da Disciplina Análise de Falha que dou na Escola Politécnica, no curso de graduação em Engenharia Mecânica.

Meu e-mail é dktanaka@usp.br

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: